USIMINAS – ANIVERSÁRIO CIDADES
CAMINHOS GERAI–CROSS-SELLING3

Uma grande festa marcou a retirada dos trilhos do perímetro urbano de Colatina

Inauguração da segunda estação de Colatina, em 1949

No dia 24 de outubro, o último trem da Estrada de Ferro Vitória a Minas foi comemorado pela população colatinense. Convivendo com os trens em sua principal rua desde a abertura da Vitória a Minas, iniciada em Vitória em 1904, em 1975 a população despede-se dos trens que passou a circular pela Variante de Colatina, com seus 14,5 km. O novo trecho contava com dois túneis e duas obras de arte. Colatina, uma das mais importantes cidades do estado, contou com sua primeira estação na década de 1910, quando os trilhos aproximam-se do Rio Doce. A segunda, inaugurada em 1949 e a atual, em 1975. O importante terminal ferroviário no passado facilitou a expansão da agropecuária e a exportação de madeira em toda a sua extensão até a divisa com Minas Gerais, em Baixo Guandú. Apesar da ferrovia ter impulsionado o desenvolvimento do município, no período da retirada dos trilhos, os trens tornaram-se um incômodo ao perímetro urbano, principalmente nas passagens de nível do centro comercial da cidade, que progredia exponencialmente. O Centro da cidade não comportava mais a convivência com os longos trens que aumentavam progressivamente.

 

Trem de carga no Centro de Colatina, na década de 1950

 

UNIMED – Home

Faça um Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Você não pode copiar o conteúdo desta página